Canto da Casa canta “Calma, vai passar… a tempestade vai clarear “

“Sempre digo que legado é algo esquisito, pois o que consideramos como O legado nem sempre o é.

No caso da escola técnica IFCE, onde lecionei por 30 anos, descobri, em conversa com um ex-aluno numa sala de espera no aeroporto de Recife, que meu maior legado nunca foi a matéria ensinada, mas o fato de ser um exemplo de que se pode chegar onde se quer, que se pode ser feliz trabalhando, mesmo sendo um rapaz latino americano sem dinheiro no banco e sem parentes importantes.

Já na EIM, descobri que deixaremos 4 grandes legados: ser uma empresa de portões abertos, sem segurança, sem porteiro, sem vigia, sem frescura… apesar de estar no meio de uma das regiões mais perigosas de Fortaleza; ajudar na transformação de jovens através do Coral Canto da Casa; idealizar e viabilizar o projeto “Dente que te Quero Dente”, com o consultório odontológico voltado para o atendimento de crianças carentes, que se transformou num centro de resgate da cidadania e autoestima de milhares de crianças que são atendidas desde 1999, totalizando mais de 30 mil procedimentos até agora; e finalmente executar centenas de obras industriais, mantendo firme nossos valores éticos e foco no atendimento das expectativas dos clientes sem deixar de atender as expectativas de nossos colaboradores.

Com uma mensagem de alento em meio ao Maremotos, esta peça do Coral Canto da Casa – arrepiante e emocionante – me proporcionou esta valiosa reflexão, além de mais uma vez reforçar o orgulho de ter a EIM como apoiadora deste lindo projeto.

E… Calma, vai passar…. espera a tempestade clarear!”

Nivaldo Teixeira, diretor executivo da EIM e admirador do projeto Coral Canto da Casa

Assista ao vídeo!